Aquele Sábado

Alguma coisa aconteceu naquele sábado entre nós, e foi algo que só eu vivi. Você nem imagina que enquanto eu me escondia no banheiro daquela boate, meu coração falava. E gritava, e confessava, e dizia coisas que você nunca vai ter a paciência de ouvir, porque você é uma dessas pessoas que eu admiro e…

Encruzilhada

Há algum tempo atrás, caso me perguntassem sobre certezas inabaláveis na minha vida, eu pensaria na Medicina. Nada nunca foi tão sólido quanto meu amor pela profissão: nem minhas relações familiares, nem outras ambições, e muito menos meus amores. Neste ano, as coisas mudaram, e minha carreira me levou a encruzilhadas que eu jamais imaginei…

Mea Culpa

Desculpa o auê, mas preciso dizer: me apaixonei. Não daquele jeito explosivo, deletério, mas sim daquele jeito que cultiva campos inteiros de lavanda no coração. Desculpa a confusão, as mensagens que te mando nas madrugadas, as palavras trôpegas e os suspiros que dou enquanto adormeço e você não chega nem perto de entender o porquê:…

Viúva Negra

A noite cai, lilás, e abraço o parapeito da janela. É um crepúsculo quente de novembro, e te ouço respirar no sofá ao lado. Se não estivesses aqui, tenho certeza, eu estaria escrevendo – parindo qualquer texto dramático que drenaria os abscessos que os últimos acontecimentos criaram. Quando se sobrevive a dias como este, destilar…